domingo, 13 de maio de 2012

Essa coisa de animal que é o amor.


Ou, na verdade, o que NÃO É o Amor.
 
Esta já recebi via internet, mas parece que andou sendo alvo de upgrade.
Enquanto assisto a Dilmaluca pronunciar-se no Dia das Mães sobre creches e saúde, resolvo que vale a pena um pouco de humor para aliviar a tensão do Domingo à noite.
(Sabem que há muito mais infartos neste horário que na segunda-feira de manhã? O ser humano sofre por antecipação.)
Também sofre por amor, sem saber direito o que é o amor.
 Então vamos falar o que ele NÃO É!
 
  
O amor não ilumina o seu caminho.
O nome disso é poste.
 
O amor não é aquilo que supera barreiras.
O nome disso é gol de falta.
 
O amor não faz coisas que até Deus duvida.     
O nome disso é Lady Gaga.
 
O amor não traça o seu destino.
O nome disso é GPS.
 
O amor não te dá forças para superar os obstáculos.
O nome disso é tração nas quatro rodas.

O amor não mostra o que realmente existe dentro de você.
O nome disso é endoscopia.

O amor não atrai os opostos.
O nome disso é imã.

O amor não é aquilo que dura para sempre.
Isso é a Hebe Camargo.

O amor não é aquilo que te deixa sem fôlego.

O nome disso é asma.

O amor não é aquilo que te faz perder o foco.
O nome disso é miopia.

O amor não é aquilo que te deixa maluco, te fazendo provar várias posições na cama.
O nome disso é insônia.

O amor não faz os feios ficarem pessoas maravilhosas.
O nome disso é dinheiro.

O amor não é o que o homem faz na cama e leva a mulher à loucura.
O nome disso é esquecer a toalha molhada



O amor não faz a gente enlouquecer, não faz a gente dizer coisas pra depois se arrepender:

O nome disso é vodka com speed.


O amor não faz você passar horas conversando no telefone.
O nome disso é promoção da TIM/OI/VIVO/CLARO...

O amor não te dá água na boca.
O nome disso é bebedouro.

Amor não é aquilo que, quando chega, você reza para que nunca tenha fim.

O nome disso é férias.
O amor não é aquilo que te alegra, mas depois te decepciona.
Isso é pote de sorvete.

O amor não é aquilo que entra na sua vida e muda tudo de lugar.
O nome disso é empregada.

O amor não é aquilo que te deixa bobo, rindo à toa e  sem  saúde .
O nome disso é maconha.

O amor não é aquilo que gruda em você, mas quando vai embora arranca lágrimas.

O nome disso é cera quente.






 


 
 




Nenhum comentário: