sábado, 3 de setembro de 2016

Superando a autossabotagem

A autossabotagem é uma das piores formas de se manter no status quo. Porque você tenta, se joga nos projetos, mas de alguma maneira você mesmo consegue falir a empreitada, para não desfrutar da liberdade emocional e alegria que você nasceu para ter.  

Só queria dizer que enfrentar o seu medo, raiva e outras emoções, leva um dia para o fim da guerra interna com você mesmo. Como estar certo de que você está se sabotando?
Faltou energia? Desanimou? Autossabotagem é a manifestação externa de nossos sentimentos de vergonha, raiva, de que falta dignidade. E o pior: sabemos onde vamos falhar e lá que nos sabotamos.


Faça uma lista de cinco coisas que você está fazendo para sabotar a si mesmo. Decida ter o melhor ano de sua vida, e para isso você terá que fazer o oposto do que você tem feito. 

Assim abri uma empresa. Escrevi um livro. Fechei o primeiro novo negócio. Trouxe alguém para completar minha vida com alegria e felicidade. Funciona.

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Sofrer e sacrifício: crenças falsas


Todos nós temos a chance de viver nossas próprias vidas, em nosso próprio tempo, e aprender o que é verdadeiro para nós. Por isso não acredito em dizer como outros devem viver, porque muito poucas verdades são válidas para todas as pessoas, o tempo todo.

Por exemplo, a noção de que precisamos sofrer ou passar por miséria nesta vida, a fim de fazer o bem no mundo. Budismo já diz que sofrer é opcional, e faz tempo... 

Alguns de nós viveram em famílias ou ambientes onde havia essa mentalidade, herdada de ancestrais, e outras tantas falsas crenças. Mesmo falsas, elas têm um efeito sobre os nossos corações, nossas mentes, e nossa realidade. Estas crenças agem sobre nós, criando situações e relacionamentos que consideramos como "destino", quando eles são, na verdade, simplesmente nossa mente inconsciente se manifestando no mundo externo. 

Perceba se você ou alguém perto de você está carregando o fardo de uma mentalidade de pobreza. Pode se perguntar por que não está manifestando abundância, especialmente se nós sabemos que todos nesta Terra merecem. 

Vamos nos livrar dessa energia de que não precisamos mais.

(foto: Lapinha, MG. Do Autor, 2007)

 

quinta-feira, 23 de junho de 2016

As palavras ditas são uma forma de enviar energia

Inspirei-me num post de Madisyn Taylor do Daily Om.

"Words are energy"
As palavras são Energia

A música de Idioma

Ao mesmo tempo, recebi uma mensagem de um amigo que admiro por ter criado sua empresa, porque eu também fui criar o meu sonho. Ele escreve: "Você vai conseguir o que quiser, MR!"

Tenho que concordar com Madsisyn, que diz que "Cada palavra que falamos tem uma vida própria, uma assinatura vibratória que cria ondas na imensidão do universo."

Quando falamos ou escrevemos, usamos palavras para criar e transportar significado. Você acredita que assim também estamos enviando energia, a partir de nós mesmos para outra pessoa ou grupo de pessoas?

O poder da palavra é inquestionável. Talvez temos muito menos consciência disso que deveríamos. Usando-as bem, podemos ser a mudança que queremos no mundo.

Don Miguel Ruiz dos "Quatro compromissos" já nos explicou que na sabedoria Tolteca, podemos usar a palavra como magia branca ou negra. Qual a que você usa?

sábado, 18 de junho de 2016

O homem está condenado. Se é para nossa civilização sobreviver...





"Eu sei e posso. Só não quero mais voar

Eu não sou mais tão ingênuo

Permitam-me procurar a melhor parte em mim

Eu sou mais que um pássaro... Eu sou mais que um avião

Mais que um rosto bonito ao lado de um trem

Não é fácil ser... eu

Queria poder chorar

Cair de joelhos

Achar uma maneira de mentir

Sobre um lar que eu nunca verei"
(trad. Superman  - It's not easy - Five for Fighting)

Pode parecer absurdo, mas precisam escrever. Nossa geração ainda tem o superhomem como ideal. Não sabem que até mesmo heróis têm o direito de sangrar. De sonhar. De poder dormir profundamente a noite.

Esse aí é só um homem com um lençol vermelho engraçado.
Zarathustra atribui à civilização de seu tempo a tarefa de preparar o vinda do Übermensch, o Superhomem do escritor e filósofo Nietszche.
De certa forma, os desafios que nos foram repassados, assim o requerem. Se é para nossa civilização sobreviver... talvez só com um milhão desses.


segunda-feira, 9 de maio de 2016

POR QUE AGORA?

Sim, não se apresse. Vamos deixar toda a alegria, que você pode imaginar que pode ser sua agora, para curtir em um momento futuro.
Sim, deixe para depois. Agora não.



Fique em casa. Estique-se no sofá. Feche os olhos. Ou não.

Como usar o pouco tempo que temos é uma das decisões mais importantes que fazemos. No entanto, é muito fácil deixar para amanhã o que estamos sonhando hoje. O ritmo frenético da existência moderna nos oferece uma saída fácil -  engavetar as nossas aspirações para que possamos lidar mais eficazmente com os desafios do presente, aparentemente para ter mais tempo e lazer para realizar o nosso objetivo no futuro. Ou dizemos a nós mesmos que vamos perseguir nossos sonhos, algum dia, uma vez que realizamos outras metas menores. Na verdade, é o medo que nos impede de buscar a realização no aqui e agora, porque o fracasso é uma possibilidade.

Deixar para depois parece racional.

Mas não há nenhuma razão realmente convincente por que deveríamos adiar a realização dos sonhos que nos sustentam.

Mude a pergunta.

Use: "Por que não agora?"


quinta-feira, 28 de abril de 2016

Propósito: um caminho. Que não é único.

Ando inquieto e reflexivo. Você talvez também tenha sentimentos de insatisfação sobre o caminho que você escolheu na vida ou se sentir sobrecarregado pela crença de que existe apenas um caminho certo para você e que você terá que escolher sabiamente. 


 Se você está em dúvida, uma boa maneira de começar o processo de realização é se concentrar no que você tem a oferecer ao mundo. Você pode fazer uma lista das suas habilidades, conhecimento e experiência que você tem a oferecer e encontrar uma maneira de compartilhá-los com os outros.
Mesmo fazendo isso e ter decidido que eu iria fundar uma empresa que salvaria outras e construiria com isso um Brasil melhor, às vezes fico na dúvida. E isso é "ok".
 


Encontrar maneiras significativas para compartilhar as melhores partes de nós mesmos com o mundo reforça a nossa crença em um propósito valioso e para o qual vale a pena fazer o máximo da sua vida. Mesmo que algo te diga que não há um propósito maior para nossas vidas, nós ainda podemos optar por fazer com que cada momento seja significativo e gratificante. Ao explorar os traços, características e talentos que nos tornam únicos e encontrar uma maneira de compartilhá-los com outros, nós automaticamente trazemos um maior sentido de propósito para nossas vidas.  
Se temos livre arbítrio ou somos conduzidos por um destino, não posso garantir. 
Recomendo apenas permitir que a sua sabedoria espiritual te leve por um caminho que te realize mais.
Esqueça por um momento as suas incertezas. Permita-se fazer o melhor, você vai criar um novo senso de propósito em cada atividade que você goste.

sexta-feira, 25 de março de 2016

Everything in German

Acabei de curtir muito um conjunto que meu filho ouve musica deles. Como ? Via Spotify.



Alles was ich bin
Eigentlich bist du eigen
Eigentlich so wie ich
Und eigentlich weiß ich nicht weit ohne dich
Ham´ uns irgendwie gefunden
Beide Augen verbunden
Immerwieder neu erfunden
Wie oft weiß ich nicht
Und irgendwie bist du anders
Irgendwie so wie ich
Und irgendwie denk ich, ich denk nur an dich
Und irgendwo bist du immer
Wenn ich dich such´
Irgendwann bleibt für immer
Komm wir lassen es zu
Du bist alles was ich bin
Du bist ohne jeden Sinn
Du bist jeden Tag
Du bist alles, alles was ich bin
Hinter hungrigen Augen
Scheinst du so wie ich
Scheinst nicht nur für dich
Es scheint auch für mich
Wir sind zusammen gesunken
Ham´ die Tiefe gefunden
Sind beinahe ertrunken
Komm jetzt lassen wir es zu
Du bist alles was ich bin
Du bist ohne jeden Sinn
Du bist jeden Tag
Du bist jeden Tag
Uns egal wo du heute pennst
Uns egal wohin du morgen rennst
Uns egal wo du heute pennst
Uns egal wohin du morgen rennst
Du bist alles was ich bin
Du bist ohne jeden Sinn
Du bist jeden Tag
Du bist alles, alles was ich bin

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Carreira Solo ou em Dupla?

Não vou escrever sobre musicos, muito menos sobre duplas sertanejas. Ser solteiro, viver por si ou em um relacionamento são duas opções válidas para viver a vida e uma não é melhor que a outra.

A maneira que nós escolhemos amar pode ser tão única como a forma que escolhemos para ganhar a vida, manter a nossa saúde, ou entreter a nós mesmos. Alguns optam por procurar um companheiro e entrar em uma parceria com um indivíduo especial, enquanto outros acham imensa satisfação em permanecerem solteiros(as).

Não há nenhuma maneira certa ou errada para a sua vida, quando se trata de decidir se deve ou não estar em um relacionamento, mesmo que a sociedade prefira colocar uma ênfase em parcerias românticas. Se você optar por viver sua vida em um relacionamento romântico ou viver na "carreira solo", verá que há benefícios para ambos os caminhos. Seja livre, fique confortável com qualquer escolha, pois quem sabe o que é melhor para você, além de você mesma(o)?

Escolher estar "solo" é uma ótima maneira de passar tempo a descobrir a si mesmo. Você tem mais tempo e espaço para descobrir o que e como você quer que sua vida seja sem ter que manter escolhas de outra pessoa em mente. Ser "solo" dá-lhe a liberdade para fazer o que quiser a qualquer momento e o orgulho que vem de enfrentar a vida nos seus próprios termos. Companheirismo, apoio e carinho pode ser encontrado ao passar tempo com amigos, colegas e parentes. Há também a diversão que vem com a possibilidade de sair com muitas pessoas diferentes sem ter que fazer um compromisso.

Escolher ter um companheiro, por outro lado, traz com ele uma oportunidade de compartilhar sua vida com outra pessoa. Há conforto no conhecimento que você está enfrentando o mundo com alguém, como uma frente unida. Quando a vida é um desafio, você está em uma posição para apoiar, bem como receber apoio e conforto de outra pessoa. Há também a inevitável transformação que acontece quando voce permite que outra pessoa participe tão intimamente do seu dia, quando alguém é parte de sua vida.

Lembre-se que o que é certo para uma pessoa pode não ser bom para outra, e as pessoas podem fazer a transição entre a vontade de estar com outra pessoa e querer ficar sozinhas muitas vezes ao longo de suas vidas. Se você procurar um companheiro ou viver a vida de solteiro, abraçá-la totalmente vai garantir que qualquer escolha seja tão completa como possível para você.
(Texto adaptado do original de "Choosing to have a mate or being single - The Ways We Love" de Madisyn Taylor do site The Daily OM. Foto do autor, sala de snooker da Cornell University)