quarta-feira, 27 de junho de 2012

Seria o Universo, seria um espirito religioso, uma entidade espiritual ou divindade, ou simplesmente o acaso? A sorte?

Cada um vê o mundo de um jeito e explica o que acontece de acordo com sua ótica.

Por isso tomei um email de corrente e adicionei estes comentários iniciais.
Para você refletir.
Qual genio da Psicologia falou  que você é você e o seu "entorno", os seus "surroundings"?
E de que maneira a sua autação muda o desfecho de cada dia?
Interprete com a explicação que quiser.

O email começa assim:
"Um rapaz pediu a Jesus um emprego, e uma mulher que o amasse muito.



No dia seguinte, abriu o jornal e tinha um anuncio de emprego. 


Ele foi, viu a fila muito grande e disse: eles são melhores do q eu, e foi embora.
 


No caminho, um garoto lhe deu uma rosa ....no ônibus ele chateado joga a rosa fora.
 


E ao chegar em casa briga com Jesus
 
É assim que me tratas? É assim que me amas ? 



E vai dormir. Em sonho, Jesus lhe diz:
 

O emprego era seu, mas vc ñ confiou e desistiu antes mesmo de lutar; aquela rosa foi eu que te dei... inspirei aquela criança a lhe dar!!!
 

O amor da sua vida, estava sentada ao seu lado, em vez de vc dar a rosa a ela, jogou fora.
 


Vc entendeu como Jesus age na sua vida?
 

Ele abre as portas te mostra o caminho mas a tua fé é tão pouca que desiste no primeiro obstáculo. Não desista confie que Jesus pode agir na sua vida.
 
Os obstáculos existem para ver até onde vai a tua fé. 

(O primo diria: "O Universo está testando o quanto realmente você quer o que pediu."
eu mesmo inumeras vezes seinti que quanto mais perto de chegar aonde queria, mais dificuldades o Universo colocava diante de mim. Algumas vezes desisti a dois metros da linha final. Outras não desisti e fui até o fim. )

3 comentários:

Anônimo disse...

Se é Jesus, o acaso, o Universo, a sorte ou o destino, é possivel que cada desfecho depende do que voce intenciona?

evandro varella disse...

Hummmm, ultimamente eu diria, que existem infinitos universos paralelos, onde cada um tem um desfecho diferente. E o desfecho, claro, sempre depende da escolha feita.

MR disse...

ESCOLHA!! É isso aí. Cada um de nós não é nada mais que suas escolhas. E a escolha vem da intenção, a menos que voce seja bipolar, maluco, sadomasoquista, sei lá, aquela síndrome que ajuda a pessoa a fazer escolhas na direção oposta de suas intenções.