quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

O Animal acorda ouvindo isso no iPod

br />

9 comentários:

MR disse...

Como disse a uma amiga minha:
" Acordei tarde. Morrendo de saudades da minha princesinha, coloquei essa musica pois eu costumava dançar com ela no colo ouvindo o Simply Red em Miami, Key Biscayne. Nossa que buraco no peito me deu. Ou encheu de uma memória boa, sei lá. Sei que mandei por email para ela, e a mãe dela me ligou e me passou o telefone para a fofinha, porque viu no iTouch minha msg.
Mãe xereta!
Mas foi bom porque meu dia começou lindo com a música, e depois com a voz dela me contando as novidades das aulas de Tênis.
Logo logo vou dar aquele abraço apertado nela."

Que lindo dia de sol aqui em BH!

* Luciana * disse...

Acordou bem hoje, hein?

Que seu dia continue lindo!

Abraços!

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Acordou bem-humorado *keep the beat*!!!

Meu amigo MR, somos amigos!
*Este fresco jardim era teu
Com suas terraças para o mundo.
Eram tuas as cores deste céu
E o pequeno pastor, ao fundo
Mário Cesariny de Vasconcelos*
Por mim, ficamos amigos. Beijos e Bom Dia!

Renata

Jou Jou Balangandã disse...

MR, linda a história de sua "amiga". Achei meio estranho ela ter uma filha com outra mãe, mas tudo bem. Me lembrou de outra música (Gilberto Gil?):

"Toda saudade é a presença
Da ausência de alguém
De algum lugar
De algo enfim
Súbito o não
Toma forma de sim
Como se a escuridão
Se pusesse a luzir
Da própria ausência de luz
O clarão se produz
O sol na solidão

Toda saudade é um capuz
Transparente
Que veda
E ao mesmo tempo
Traz a visão
Do que não se pode ver
Porque se deixou pra trás
Mas que se guardou no coração"

QUE O SEU DIA CONTINUE LINDO!

Anônimo disse...

Nao Jou Jou, EU contei a estoria a uma amiga. A filha é a Flora!

DuDa Haddad disse...

POIS O MARANHÃO ESTA DE PORTAS ABERTAS!!!

OBRIGADA PELAS VISITAS!!!!

Anônimo disse...

Ooopsss, falha minha, que li o post na correria.

Bjous

paula barros disse...

Marcos, essas histórias de família, as suas com os meninos especialmente,me emocionam. Que bom que a mãe dela fez o que fez.

E hoje sem saber o que postar fui de uma fotos antigas e que é de uma cidade do Maranhão, por coincidência vejo aqui um comentário falando do Maranhão.

boa noite!

MR disse...

Paula

É porque dentro de mim essas coisas vão acumulando uma emoção muito forte. É duro morar longe.