terça-feira, 29 de setembro de 2009

As palavras pesquisadas no Google que trazem as abelhas ao mel


animipe a independencia mineral independencia dos estados unidos foto buda saindo de uma flor imagens do universo aniversario da Australia a diferença da independencia dos estados unidos para a do brasil como superar dor aos animais Dia Nacional do Guarda Municipal as diferenças entre independencia americana da brasileira saúde física e emocional "just for change" sueli vidigal engenheiro eletricista piada fotos de comida vegetal,animal e mineral somos ener a independencia dos animais fotos de animal mineral independência dos eua ver imagens do universo

(quem veio pro Animal Mineral e Pessoal digitou essas coisas no Google. Dá pra entender?)

domingo, 27 de setembro de 2009

Cada ser humano tem sua busca especial

Uma das buscas mais importantes que temos em nossas vidas é a busca da felicidade.

Muitas pessoas, acertadamente, decidem ser felizes e tomam isso como atitude diante da vida, ao invés de associar felicidade à abundância material, ao poder, à sorte, aos amigos e a acontecimentos "felizes".
happiness Pictures, Images and Photos
Essas pessoas, porém, têm dentro delas uma definição implícita de felicidade, que separa essa decisão de ser feliz desses fatores que enumerei. Mas Augusto Cury ajuda a todos, assim como outros autores, a deixar tudo mais explícito, com sua definição do que é 'SER FELIZ' em seu livro 'Dez leis para ser feliz'.

Você pode fazer sua própria definição, mas duvido que será muito diferente.

Copio aqui um pequeno trecho dele. Que já vi em outros blogs como 'autor desconhecido', mas deveriam creditar a Augusto Cury.

"Gostaria que você sempre se lembrasse de que ser feliz não é ter um céu sem tempestades, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem decepções. Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.
Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza. Não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos. Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver a vida, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise. Ser feliz não é uma fatalidade do destino, mas uma conquista de quem sabe viajar para dentro do seu próprio ser.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um "não". É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta. É beijar os filhos, curtir os pais e ter momentos poéticos com os amigos, mesmo que eles nos magoem.
Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples que mora dentro de cada um de nós. É ter maturidade para falar "eu errei". É ter ousadia para dizer "me perdoe". É ter sensibilidade para expressar "eu preciso de você". É ter capacidade de dizer "eu te amo".



Que nas suas primaveras você seja amante da alegria. Que nos seus invernos você seja amigo da sabedoria. E, quando você errar o caminho, recomece tudo de novo. Pois assim você será cada vez mais apaixonado pela vida.
E descobrirá que... Ser feliz não é ter uma vida perfeita. Mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância. Usar as perdas para refinar a paciência. Usar as falhas para esculpir a serenidade. Usar a dor para lapidar o prazer. Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Jamais desista de si mesmo.

Jamais desista das pessoas que você ama.

Jamais desista de ser feliz, pois a vida é um espetáculo imperdível.


E você é um ser humano especial !!!"

sábado, 26 de setembro de 2009

Dos times de futebol para a filosofia humana

Comecemos por futebol, apenas em algumas frases.
Depois passamos para Filosofia.
*** *** ***
Este domingo tem Sao Paulo x Corinthians: o jogo que quando criança era o ponto alto da emoção. Se o tricolor perdesse, seria uma semana ou mais de gozação na escola. E como sofríamos.
* * *
Hoje penso na tremenda diversão, e não mais na gozação. Penso na minha mãe, tias e irmã corintiana, nos amigos, todos aqueles que vibrariam com uma vitória corintiana, e fico felizes por eles caso vençam.
Fico bem em ver qualquer felicidade alheia.
Sinto-me melhor ainda vendo pessoas em paz.
Mesmo corintianos celebrando vitória contra meu time?
Não se trata de falta de espírito competitivo. Adoro vencer, ganhar do Corinthians é melhor ainda.

Mas a vida é mais que isso.

Tem coisas que são maiores que essa necessidade de vitória.

Um sentimento de compaixão pelo maior inimigo. + = / *.
Temos inimigos neste planeta?
Porque razão Deus permitiria um mundo com inimigos?
Agora não no futebol - na história da humanidade.
Porque permitiu a existência de uma tribo como os Mongóis de Gengis Khan, degolando e trucidando vilas e povos inteiros, varrendo o mapa com a violência?
O que estávamos aprendendo como seres iluminados, vendo flechas sendo lançadas através de nossos corpos, ou pelo lado atacante, quando descíamos machados enormes de batalha sobre a cabeça de nossos inimigos?

Sobrevivência, ganância, vitória, o que nos levou a cada ato de luta contra o próximo, por um instante, penso.

Execuções sumárias como a da foto, de 1968.

Certamente o medo.
Medo que perdessemos o que tínhamos.

Contra o medo, nesta vida, é a nossa luta.

A existência é nossa viagem no aprendizado da Fé.
Em nós mesmos, a fé, na providência divina, em tudo o que existe.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Degustação de vinho em Minas

- Hummm...



- Hummm...

- Eca!!!

- Eca?! Quem falou Eca?

- Fui eu, sô! O senhor num acha que esse vinho tá com um gostim estranho?

- Que é isso?! Ele lembra frutas secas damascadas, com leve toque de trufas brancas, revelando um retrogosto persistente, mas sutil, que enevoa as papilas de lembranças tropicais atávicas...

- Putaquepariu, sô! E o senhor cheirou isso tudo aí no copo ?!

- Claro! Sou um enólogo laureado. E o senhor?

- Cebesta, eu não! Sou isso não senhor !! Mas que isso aqui tá me cheirando iguarzinho à minha egüinha Gertrudes depois da chuva, lá isso tá!

- Ai, que heresia! Valei-me São Mouton Rothschild!

- O senhor me desculpe, mas eu vi o senhor sacudindo o copo e enfiando o narigão lá dentro. O senhor tá gripado, é?

- Não, meu amigo, são técnicas internacionais de degustação entende? Caso queira, posso ser seu mestre na arte enológica. O senhor aprenderá como segurar a garrafa, sacar a rolha, escolher a taça, deitar o vinho e, então...

- E intão moiá o biscoito, né? Tô fora, seu frutinha adamascada!

- O querido não entendeu. O que eu quero é introduzi-lo no...

- Mais num vai introduzi mais é nunca! Desafasta, coisa ruim!

- Calma! O senhor precisa conhecer nosso grupo de degustação. Hoje, por exemplo, vamos apreciar uns franceses jovens...

- Hã-hã... Eu sabia que tinha francês nessa história lazarenta...

- O senhor poderia começar com um Beaujolais!

- Num beijo lê, nem beijo lá! Eu sô é home, safardana!

- Então, que tal um mais encorpado?

- Óia lá, ocê tá brincano com fogo...

- Ou, então, um suave fresco!

- Seu moço, tome tento que a minha mão já tá coçando de vontade de meter um tapa na sua cara desavergonhada!

- Já sei: iniciemos com um brut, curto e duro. O senhor vai gostar!

- Num vô não, fio de um cão! Mas num vô, memo! Num é questão de tamanho e firmeza, não, seu fióte de brabuleta. Meu negócio é outro, qui inté rima com brabuleta...

- Então, vejamos, que tal um aveludado e escorregadio?

- E que tal a mão no pédovido, hein, seu fióte de Belzebu?

- Pra que esse nervosismo todo? Já sei, o senhor prefere um duro e macio, acertei?

- Eu é qui vô acertá um tapão nas suas venta, cão sarnento! Engulidô de rôia!

- Mole e redondo, com bouquet forte?

- Agora, ocê pulô o corguim! E é um... e é dois... e é treis! Num corre,não, fiodaputa! Vorta aqui que eu te arrebento, sua bicha fedorenta!...

Luiz Fernando Veríssimo

sábado, 19 de setembro de 2009

Abundancia

Um periodo de abundancia em todos os sentidos: financeira, sucesso, paz mental e espiritual, saude. Felicidade parece que nao tem nada a ver com isso - talvez felicidade seja um estado de espirito, uma decisao para ter essa atitude. Ou talvez seja o estado predominante de certos componentes quimicos no nosso cerebro comandados pelo sistema limbico profundo - que da o tom do nosso "mood".
Enfim, hoje fiquei com vontade de ligar para amigos e familiares e lhes dizer como a abundancia inunda minha vida de hoje, para que ficassem felizes por mim. Bobagem?
E resolvi colar um texto que andou circulando na internet.

"EU APRENDI
que a melhor sala de aula do mundo está aos pés de uma pessoa mais velha;
EU APRENDI
que ser gentil é mais importante do que estar certo;
EU APRENDI
que eu sempre posso fazer uma prece por alguém quando não tenho a força para ajudá-lo de alguma outra forma;
EU APRENDI
que não importa quanta seriedade a vida exija de você, cada um de nós precisa de um amigo brincalhão para se divertir junto;
EU APRENDI
que algumas vezes tudo o que precisamos é de uma mão para segurar e um coração para nos entender;
EU APRENDI
que deveríamos ser gratos a Deus por não nos dar tudo que lhe pedimos;
EU APRENDI
que dinheiro não compra "classe";
EU APRENDI
que debaixo da "casca grossa" existe uma pessoa que deseja ser apreciada, compreendida e amada;
EU APRENDI
que Deus não fez tudo num unico dia

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Piada pronta: o melhor da produção parlamentar


Ainda existem outras centenas de projetos recusados ou em tramitação pelo Congresso Nacional. Tempo para investigar corrupção ninguém tem. Mas tempo para criar data festiva, isso sobra.


Tem até o "Dia de Celebração da Amizade Brasil-Argentina"! Imagino que nesse dia fica proibida qualquer menção a futebol.

Dia para todos os gostos
Conheça as datas comemorativas aprovadas nas duas últimas semanas pela CCJ da Câmara
Janeiro:
20/01 - Dia Nacional da Parteira Tradicional - PL 3308/04, da deputada Rose de Freitas (PMDB-ES);
28/01 - Dia e Semana Nacional de Combate ao Trabalho Escravo - PL 3536/08, do Senado Federal;
Fevereiro:
06/02 - Dia Nacional do Reggae - PL 3260/08, do deputado Rodrigo Rollemberg (PSB-DF);
24/02 - Dia da Conquista do Voto Feminino no Brasil - PL 4765/09, da deputada Sueli Vidigal (PDT-ES);
Março:
16/03 - Dia Nacional do Ouvidor - PL 764/07, do deputado Geraldo Thadeu (PPS-MG);
26/03 - Dia Nacional do Engenheiro Industrial Madeireiro - PL 5091/05, do deputado Moacir Micheletto (PMDB-PR);
Abril:
17/04 - Dia Nacional de Conscientização da Hemofilia - PL 677/07, do deputado Paulo Roberto Pereira (PTB-RS);
19/04 - Dia Nacional do Poeta - PL 770/07, do deputado Inocêncio Oliveira (PR-PE);
Maio:
1ª semana do mês - Semana de Prevenção do Aborto - PL 343/99, do deputado Chico da Princesa (PR-PR);
08/05 - Dia Nacional do Turismo - PL 130/07, do deputado Max Rosenmann (falecido);
08/05 - Dia Nacional das Hemoglobinopatias - PL 3373/08, do deputado Guilherme Campos (DEM-SP);
13/05 - Dia da Polícia Militar - PL 250/03, do deputado Alberto Fraga (DEM-DF);
23/05 - Dia do Seresteiro - PL 2135/07, da deputada Andreia Zito (PSDB-RJ);
24/05 - Dia Nacional do Calcário Agrícola - PL 3593/08, do deputado Luis Carlos Heinze (PP-RS);
24/05 - Dia Nacional do Milho - PL 2959/08, do deputado Paulo Piau (PMDB-MG);
Junho:
1ª semana do mês - Semana Nacional de Conscientização por um Consumo Sustentável - PL 3459/08, do deputado Chico Lopes (PCdoB-CE);
03/06 - Dia Nacional da Educação Ambiental - PL 769/07, do deputado Angelo Vanhoni (PT-PR);
05/06 - Dia Nacional da Reciclagem - PL 2515/07, do Senado Federal;
09/06 - Dia Nacional do Cipeiro - PL 5310/05, do deputado Daniel Almeida (PCdoB-BA);
18/06 - Dia do Tambor-de-Crioula - PL 1677/07, do deputado licenciado Gastão Vieira (PMDB-MA);
26/06 - Dia Nacional da Consciência do primeiro voto - PL 3086/08, da deputada Cida Diogo (PT-RJ);
27/06 - Dia do Quadrilheiro - PL 2207/07, da deputada Nilmar Ruiz (DEM-TO);
29/06 - Dia do Pescador Amador - PL 2670/07, do Senado Federal;
Julho:
08/07 - Dia dos Trabalhadores em Massas Alimentícias - PL 7402/06, do deputado Antônio Carlos Biffi (PT-MS);
Agosto:
01/08 - Dia Nacional dos Portadores de Vitiligo - PL 1940/07, da deputada Solange Almeida (PMDB-RJ);
09/08 - Dia Nacional da Equoterapia - PL 2069/07, do Senado Federal;
12/08 - Dia Nacional de Direitos Humanos - PL 2871/04, da deputada Rose de Freitas (PMDB-ES);
19/08 - Dia da Integração Jurídica Latinoamericana - PL 4044/08, do Senado Federal;
28/08 - Dia Nacional em Homenagem às Vítimas do Regime Militar de 1964 a 1985 - PL 2239/07, da deputada Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM);
Setembro:
13/09 - Dia Nacional de Luta dos Acidentados por Fontes Radioativas - PL 2390/07, do deputado Edson Duarte (PV-BA);
16/09 - Dia Nacional de Combate e Prevenção da Trombose - PL 3176/08, do deputado Rodovalho (DEM-DF);
Outubro:
04/10 - Dia Nacional do Paisagista - PL 2036/07, do deputado Jilmar Tatto (PT-SP);
04/10 - Dia Nacional dos Agentes de Combate às Endemias - PL 2109/07, do deputado Valtenir Pereira (PSB-MT);
10/10 - Dia da Guarda Municipal - PL 2070/07, do Senado;
10/10 - Dia Nacional do Motorista de Ambulância - PL 1623/07, do deputado Gervásio Silva (PSDB-SC);
10/10 - Dia Nacional Dedicado à Segurança e Saúde nas Escolas - PL 1818/07, da deputada Cida Diogo (PT-RJ);
16/10 - Dia Nacional da Alimentação - PL 5252/05, do Senado Federal;
A partir do dia 16/10 - Semana Nacional do Feijão e Arroz - PL 1488/07, do deputado Adão Pretto (falecido);
17/10 - Dia Nacional da Música Popular Brasileira - PL 1852/03, do deputado Fernando Ferro (PT-PE);
21/10 - Dia Nacional de Valorização da Família - PL 3905/08, do deputado Leandro Sampaio (PPS-RJ);
23/10 - Dia do Alerta sobre o Uso Nocivo do Álcool - PL 857/07, do deputado Neilton Mulim (PR-RJ);
25/10 - Dia Nacional do Macarrão - PL 3738/04, do deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR);
26/10 - Dia do Movimento Pestalozziano no Brasil - PL 2518/07, do Senado Federal;
26/10 - Dia Nacional do Tropeiro - PL 2948/04, do deputado Max Rosenmann (falecido);
27/10 - Dia Nacional de Luta pelos Direitos das Pessoas com Doenças Falciformes - PL 3940/08, do Senado Federal;
29/10 - Dia Nacional dos Trabalhadores em Radiologia - PL 5540/05, do ex-deputado Ary Kara;
Novembro:
03/11 - Dia Nacional do Quilo - PL 2992/04, do deputado Carlos Santana (PT-RJ);
2ª semana do mês - Semana Nacional de Educação, Conscientização e Orientação sobre a Fissura Lábio-Palatina - PL 339/07, do deputado José Eduardo Cardozo (PT-SP);
10/11 - Dia do Intensivista - PL 6367/05, do deputado Rafael Guerra (PSDB-MG);
12/11 - Dia Nacional do Inventor - PL 3271/00, do Senado Federal;
16/11 - Dia Nacional de Atenção à Dislexia - PL 929/07, do deputado Milton Monti (PR-SP);
23/11 - Dia Nacional do Engenheiro Eletricista - PL 3984/04, do Senado Federal;
3º domingo do mês - Dia Nacional de Conscientização do Estresse - PL 3555/08, do deputado Mendes Ribeiro Filho (PMDB-RS);
30/11 - Dia de Celebração da Amizade Brasil-Argentina - PL 3284/08, do Senado Federal;
Dezembro:
07/12 - Dia Nacional da Silvicultura - PL 3975/08, do deputado José Santana de Vasconcellos (PR-MG);
09/12 - Dia Nacional do Frevo - PL 79/07, da deputada Ana Arraes (PSB-PE);
10/12 - Dia Nacional do Sociólogo - PL 3760/08, do deputado Chico Alencar (Psol-RJ);
10/12 - Dia da Inclusão Social - PL 3942/08, do Senado Federal;
13/12 - Dia Nacional da Vaquejada - PL 2655/07, da ex-deputada Jusmari Oliveira;
25/12 - Dia Nacional da Fé Cristã - PL 3313/08, do deputado licenciado Costa Ferreira (PSC-MA).

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Temas demais e energia de menos

Depois de 12 horas viajando, tres voos e duas horas de sono, peguei no batente hoje pelas oito horas normais. Passei em casa apenas para deixar as malas e trocar de roupa.
Ate que aguentei bem até agora.

Mas por mais desgastante que uma viagem de negocios possa ser, também abre janelas e perspectivas, para fora e para dentro de nós mesmos também.

Uma pessoa que sempre me pareceu um poço de indiferença, por exemplo, me soltou uma frase que me emocionou, parecia o próprio Neruda, meu colega chileno também. Postei no twitter. Eu estava falando sobre melhor não fazer nada, melhor deixar as coisas por dizer, e de repente ele solta uma bomba daquelas.

Era sobre dor ou emoção, supresas, e se sentir vivo.

... e às vezes nos arrastamos com nossas agendas lotadas de milhares de afazeres, máquinas produzindo milhares de 'ok' nas tarefas, e nunca nos sentimos mais mortos.

Tenho outros dois temas para a semana, ou que restou dela: o filme com a linda e ótima Juliette Binoche, em que ela está péssima na minha opinião (e parecendo com o look da minha... bom, vamos parar por aqui), e chata. Mas o filme não diz nada, aliás, só faz você se perguntar 'que cazzo que eles estão tentando mostrar?'

Muitas perguntas.

E a tristeza na América Latrina. Ex-Brasil.

Deus me dará forças para uma leve corrida e um sono muito restaurador daqui a pouco.

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Recesso

Descansando semana que vem... vai ficar sem postagem.

O exemplo do fracasso das relações


Reparei ontem vendo TV, que a cada cena com um casal fracassando em um relacionamento, o meu ânimo pessoal caía uns 2 dB (decibéis).

Pessoas são complexas, acertar um relacionamento não é coisa fácil. É preciso muita paciência, energia, bom humor, autenticidade, e coragem para se abrir e apostar as fichas nele.

E assim como observamos uma pessoa experimentar uma fruta azeda e fazer cara feia, também nos desestimulamos a ir lá provar a fruta da mesma árvore.
A cada cena de um casal não se acertando, ou uma aproximação frustrada, vamos acumulando as probabilidades de tal coisa dar certo (ou não) em nossa cabeça. Para saber quais as chances dessa roleta na vida real. Esquecemos o que é cinema, novela ou seriado, e o que é realidade. Processamos igual.


A boa notícia é ter encontrado o site da Tati Bernardi, que escreve bem demais, um talento para falar do tema, que pode ser visto em http://www.tatibernardi.com.br/

Por hoje é só.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Novas imagens do Universo


Quando eu era menino queria ser astronauta (como quase todos). Estudando Engenharia Aeronáutica pensei um dia lançar satélites. Não fiz.

Acompanhei de perto o desgosto do Hubble, que ao ser lançado apresentou um monte de defeitos e nada mostrou.

Agora foi reconsertado. Acompanho faz meses o Astronauta Mike Massimino no Twitter (Astro_Mike) e ele conta as missões no ônibus espacial e antes de voar, de hora em hora.

E agora você pode ver as fotos que o Telescópio Espacial Hubble tira a partir do espaço, em www.nasa.gov

Como é lindo o espaço sideral.

(A foto é de Saturno, com uma das quatro luas pega numa situação incomum)

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Formas de ler estatísticas do blog... e a vida



Interessante que mais da metade das pessoas que visitaram meu blog recentemente estavam usando Firefox (51%).
Já o Internet Explorer, cerca de 18% na versão 7 , outros 10% na versão 8 e 7,6% na versão 6.
O Google Chrome começa a aparecer com 6.4%
Safari (Mac): apenas 2.2% (Deve ser a Flora, o Durval, e mais uma meia dúzia de malucos com Apple)
Será que estão usando iphone? Chic demais, imagina, meu blog sendo visualizado naquele gadget sonho de consumo...

Ok, devo me preocupar com CONTEÚDO, pois disso é que o povo tem fome, não de estética.

O conteúdo é o seguinte:
Se voce passa sua vida na frente de um monitor de computador, e ele tá rachado, o teu mundo será rachado. Se tua janela for pequena, verá um mundo pequeno. Nossa experiência da vida é muito influenciada por nosso equipamento, e a equipamento me refiro seus olhos, nariz, boca, tato, cérebro, principalmente suas memórias e teu estado de espírito. Teu sistema límbico profundo controla esse. As memórias vocÊ consegue acessar também.

Mexa com elas, tente editar algumas e releia outras,
... que você afetará o mundo como o vê hoje.

Troque de monitor de computador se estiver quebrado.
Troque de browser se o seu for uma porcaria, também ajuda.
Se tua vida for um inferno, eleve seu espírito.

Fui.


PS: Quem usa Blackberry, ve o mundo limitado de executivo, neurótico e rápido.
ANIMAL MINERAL PESSOAL BLOG FINAL

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Independencia dos EUA - pelo Brasil


Parece que foi essa a mensagem do Lula ao seu "amigo" Obama. Um soco no estômago. Isso depois do Obama dizer que ele era "o cara".

Com a compra bilionária de caças Rafale em detrimento dos F-18 Hornets americanos, com os submarinos e helicopteros franceses, o Lula deixa claro que teremos um parceiro forte na França do Sarkozy.

E que Colombianos, Venezuelanos, Bolivianos, fiquem quietinhos na fronteira, pois senão o pau vai comer. Os Rafale decolam em 400m de pista e atacam até 8 alvos simultâneos. Os helicópteros transportam um pelotão cada um, e são 50 deles.

E França vai reciprocar comprando aviões da EMBRAER de transporte.

Será que o Tio Sam vai rever tarifas protecionistas contra o suco de laranja, o aço e outros produtos brasileiros?

(O mapa mostra o local dos visitantes deste blog de ontem)

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

Dia de agradecer a Independencia Pessoal




Comemoramos hoje a Independência do Brasil.

E eu comemoro também a minha. Não apenas a independência financeira mas a emocional, espiritual, moral, pessoal.



Agradeço não apenas a abundância de riquezas materiais e conforto, do lazer e coisas boas, mas pelo meu amadurecimento em saber que não dependo de nada e de ninguém para ser feliz, que a decisão é minha.

Eu poderia ter os melhores amigos do mundo e achar que estava cercado de traidores. Os filhos mais lindos e sentir que fossem um peso.

Nada disso.

O pouco ou muito que tenho, é muito mais do que jamais sonharia em pedir, infinitamente mais que o meu sonho mais louco.

Obrigado por hoje.

Construí outro jardim Zen para o meu Buddha, com flores amarelo-ouro significando riqueza, fonte de água simbolizando abundância. O Espírito Santo fica na altura dos meus olhos para não me esquecer que a fonte de tudo está no lado de dentro dos olhos.



Nossa riqueza é o hoje.

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Os superdotados ou gênios de hoje

Caso real relatado por meu amigo Marcos Vieira entre ele e seu filho. (Reproduzido aqui com autorização do mesmo, ipsis literis, que quer dizer ao pé da letra)

"To lendo emails em casa. Vem um email maluco sobre "Cloud Computing em Mandarim". Algo como a IBM, como empresa global, lança na China... bla,bla,bla... daqueles que apagamos sem ler. Ele passa do lado, mostro pra ele o exemplo do texto em mandarim e pergunto se ele tem ideia do que é escrever em mandarim.

Ele responde - sei escrever nisso sim, quer ver?

??? Disse que sim, quero ver, um chines leva uma vida pra aprender isso...e bla bla bla.

Como eu estava no escritorio, ele liga a TV, entra no Wii Internet Channel, carrega a pagina do Google Tradutor, digita "Felipe é burro!" (Felipe é o irmão da coisa, o outro filho), escolhe traduzir de Portugues para Chines, traduz e me mostra...

费利佩是愚蠢的


"Tá vendo? Sei escrever em Mandarim".

O exemplo do texto usado por ele é lamentavel, mas a estoria é boa. E eu sem moral nenhuma em casa.

Moral da estoria - depois do Google qualquer moleque de 12 anos se acha um genio. "

Quero ver o dia que a ferramenta não funcionar.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

A Flor e a menininha da ultima foto

Certa vez estava Buddha sentado sob uma árvore, com os seus discípulos reunidos à sua volta esperando que ele iniciasse seu discurso. Em determinado momento, Buddha calmamente inclinou-se e colheu uma flor. Levantou-a à altura de seu rosto e girou-a suavemente. Seus discípulos ficaram espantados e confusos, e murmuraram entre si questionando o sentido daquilo. Dentre eles, apenas Kashyapa entendeu o gesto, sorrindo. Shakyamuni Buddha percebeu que Kashyapa tinha compreendido, e lhe disse:"O método de Meditação que ensino é ver as coisas como elas são, nada rejeitar e tratar as coisas com alegria, vendo claramente sua face original. Esse Dharma misterioso transcende a linguagem e os princípios racionais. O pensamento lógico não pode ser usado para obter a Compreensão; apenas com a sensibilidade da não-mente alcança-se a Verdade. Vós compreendestes. Por isso, concedo-lhe a partir deste momento o espírito do Dhyana."
No post de ontem, coloquei a foto da minha Flor(a).

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Não há nada a perdoar. Umas e outras sobre Pecados e o Inferno.

Acabo de ler post do Ananias sobre os Pecados e sua origem, nas listas da Igreja.
Coloquei um comentário que reproduzo aqui.

"Ananias, ótimo post.

E uma boa notícia: o inferno Católico / Cristão não existe.

Provado por um Teólogo.

Parte do princípio irrefutável que nossas vidas são finitas, nossos atos tem impacto limitado, por maiores que sejam.

Não importa qual pecado e com que tamanho, terá um limite.

Outro princípio irrefutável é que Deus é justo no máximo grau concebível.


Portanto, como que um ou mais pecados poderiam receber como pena, um castigo infinito? Pois o inferno é um estado de sofrimento infinito, o fogo que arde eternamente, para punir o pecador.
Se Deus permitisse tal castigo, a qualquer pecado cometido por nós, seria injusto.

Portanto, está provado que não pode existir tal lugar ou estado.

Infernos existem sim, os deixamos entrar em nossas vidas quando vamos para o lado negro da força e exercitamos os caminhos do pecado contra nós mesmos e o Universo. Mas só dura enquanto resolvemos ficar por lá.

O que você acha?"

Agora sobre perdoar as outras pessoas por seus atos supostamente contra nós, eu adoro a abordagem de Wayne Dyer, vi muito programa dele na TV americana quando vivia nos EUA. Copiei o texto que estava no blog de outra pessoa, que é de autoria dele, e está bem traduzido. Os créditos são dele.

"A crença de que os outros não deveriam nos ter tratado como o fizeram é, obviamente, um erro.

Em vez de ficarmos com raiva da forma como fomos tratados, precisamos aprender a ver tal tratamento de outra perspectiva. Eles fizeram o que sabiam fazer, dadas as condições de suas vidas. (nota do MR: Vide 'Os quatro compromissos' do Don Miguel Ruiz, o Mestre Tolteca)

Aprender a perdoar envolve aprender a corrigir as más interpretações que criamos com nossa própria visão das coisas.

Quando compreendermos que somos nós que fazemos acontecer tudo que ocorre em nossa existência, então estaremos numa posição de saber que até fazemos os outros acontecerem em nossas vidas para termos a quem culpar.

Quando tivermos nossos pensamentos claros, chegará ao ponto em que não será mais necessário praticar o perdão. Teremos percebido que a vida é uma série de acontecimentos que criamos ou atraimos para nós mesmos.

Assim, perceberemos que não há nada a perdoar, porque não há nada a julgar e ninguém para culpar.

QUEM AMA, VIVE NUM MUNDO DE AMOR..

QUEM É HOSTIL VIVE NUM MUNDO HOSTIL.

CADA PESSOA QUE VOCE ENCONTRA REFLETE A SUA IMAGEM.

QUANDO VOCÊ VAI PERCEBER, QUE NÃO HÁ NADA DE QUE PRECISE, QUE VOCÊ JÁ NÃO TENHA?


(Mais uma nota do MR: tenho uma terapeuta tentando me convencer que o Karma já não mais existe. Que agora é o caminho da retidão sem culpa. Isso é outro post...)

terça-feira, 1 de setembro de 2009

A retomada

Recuperação da demanda mundial por insumos de siderurgia é notícia nos jornais de hoje. Muitas indústrias já operam no mesmo nível de pré-crise. Bom para Minas Gerais, para o Brasil, para geólogos e engenheiros de minas, metalurgistas. As pesquisas minerais estão em processo de reaquecimento.

No plano pessoal, vejo vidas de muitas pessoas que seguem o mesmo processo. Passaram por uma crise. Levaram um tombo. Se machucaram, perderam algo. Mas agora o momento é deixar as queixas de lado e ver o que aprendemos com isso, como nos acalmamos e retomamos o rumo. Mais serenos e maduros.

Que tal dar-se ao luxo de uma reflexão assim. Você seria capaz? Diga:
"Eu não posso me queixar. Os problemas na minha vida são pequenos, ridículos.
Na verdade, minha vida está cheia de soluções. Tenho mais do que preciso.
Minha família é amorosa, meus amigos são confiáveis, a quem eu peço ajuda sempre que precisar. Minha saúde está cada dia melhor. Meu coração está repleto de coisas boas"



Bom resto de semana.

PS: Frase na VEJA que não me sai da cabeça
"A (Olimpíada) e Português é importante para as crianças que falam 'menas laranjas' como eu." Presidente Lula