segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Saidas e chegadas, flashes de alegria e mais alegria



Despedir-me da filhinha para sua quinzena de ferias em Michigan com suas amigas foi durissimo. Os abracos e beijinhos mais doces imaginaveis, seguido de um aperto no peito e saudades antecipadas que me tiraram o senso de direcao, nao sabia para onde ficava o carro, o Norte, nem me lembro. Mas sei que isso aumenta a vontade de encontrar e a alegria desse momento. O que seria o doce sem o amargo?

Voltar ao aeroporto com o filhao foi uma farra. Chegamos bem, apesar do aperto no voo, a imigracao foi como chegar em casa de amigos. Deixamos malas no London Imperial College (hotel universitario novissimo) passeamos no Science Museum e Londres esta otima.
Vimos uma peca no West End, tipo a "broadway" londrina, morremos de rir.
Monty Python SPAMALOT.

Agora estamos num internet cafe (1£ a hora). Onze da noite. Brasil, umas seis.

Nada como checar o email e contar para os amigos!

Nenhum comentário: