sexta-feira, 18 de julho de 2008

Grand Theft Auto IV (4) de sobremesa


O jogo de roubos de carro que meu filho detona, é fabuloso no XBOX360. Ontem ele pegava bazucas e explodia helicópteros, colocava garotas de programa no carro para receber "serviços", derrubava dúzias de mafiosos russos para resgatar o primo sequestrado. Ele argumenta que isso não leva a molecada a ser estressada nem ter mente criminosa, me mostra vários artigos médicos e argumenta. Eu mostro outro, com opinião contrária, que comprova que a taquicardia que me dá jogando Gears of War não é uma coisa boa. Talvez quando eu dominar o jogo e os controles, o uso da moto-serra para decepar membros dos inimigos seja um stress-reliever.


De volta à realidade, fico feliz de ver as notícias dos presos milionários. Talvez os repórteres sejam o maior agente de mudanças de um país, lado a lado com a polícia. Um sem o outro não teria tanto impacto. Desde Watergate.


Mais sobre carro roubados: Honda CIVIC 1995 é disparado o mais roubado, de fato, nos EUA.


E o novo 2009 Volkswagen Tiguan (mistura de Tigre com Iguana) é lindo e desejável. Mas fico com meu Corolla por uns tempinhos ainda, pois passo 5 min dentro de um carro por dia, Haleluia!, pois decidi morar mais perto de onde trabalho.


A Taróloga da minha namorada disse cada coisa que me impressionou... quase caí duro. Mas é tudo bom. Tenho um "darumá" com um olho pintado, que pelo jeito loga vai receber o outro olho, se estas profecias se realizarem.


Esta sexta promete... e ainda nem tomei minha "happy pill" do dia (e que não é Prozac).


Abraços a todos.

Um comentário:

Brescia Magalhães disse...

e eu aqui, desejando um mero fusca e repelindo essa idéia (certa, mas amedrontadora) da parceria entre repórteres e policiais...!
rsrs enfim... obrigada pela visita (acho que mineiros se entendem, mesmo perdidos no espaço cybernético...rs)